Baixo consumo de ARLA 32 faz CONTRAN mudar fiscalização

O ARLA 32 é um reagente que diminui a emissão de poluentes em veículos a diesel. Segundo divulgou a Afeevas (Associação dos Fabricantes de Equipamentos para Controle de Emissores Veiculares da América do Sul), o consumo do aditivo ficou 45% abaixo do necessário para atender a frota brasileira em 2016. "A não utilização do ARLA 32 burla ou frauda o sistema, interferindo diretamente na saúde da população", ressalta Elcio Farah, diretor da associação.

Esse baixo consumo se dava porque não havia regulamentação sobre a fiscalização do uso do aditivo. Mas no último dia 18 de maio o CONTRAN estabeleceu a resolução 666/2017, que dispõe justamente sobre a fiscalização do sistema de controle de emissão de poluentes de veículos diesel pesados produzidos a partir de 2012.

Agora, os agentes de fiscalização de trânsito poderão fiscalizar a concentração de ureia do ARLA 32 em uso nos reservatórios dos veículos, com utilização de equipamento metrológico. A medida já entrou em vigor desde o dia 18 de maio.

Para ler a resolução completa, clique aqui.

Fonte: denatran

#meioambiente #legislação #transportes #regulamentação

Últimas Postagens
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle